Sintomas de alerta de um possível câncer de fígado

443

Voltar

O câncer de fígado é o sexto tipo de tumor mais frequente no mundo. Segundo a Organização Mundial da Saúde aproximadamente 1 milhão de novos casos acontecem a cada ano. As hepatites B e C, curadas ou não, são responsáveis por 75% dos casos de câncer de fígado.

É duas vezes mais frequente em homens que em mulheres. Na maioria dos casos o diagnostico acontece em pessoas com mais de 50 anos de idade.

Sinais e sintomas podem não aparecer nas fases iniciais do câncer, mas se diagnosticado logo após os primeiros sintomas o tratamento é altamente eficaz.

Os sinais a seguir não devem ser utilizados como único alerta de um provável câncer de fígado, eles são simplesmente um guia que pode servir de alerta para a pessoa procurar um médico e começar a realizar exames. Não todos obrigatoriamente irão aparecer, mas se sentir um ou dois deles procure rapidamente o médico.

  • É provável que uma pessoa com câncer no fígado tenha perda de peso sem uma causa justificada;
  • Pacientes com câncer de fígado podem sentir dores abdominais;
  • Poderá também sentir falta de apetite, não ter vontade de se alimentar;
  • Curiosamente, vai se sentir satisfeito após ter feito uma pequena refeição, muito leve;
  • Câimbras são um sinal que o sistema circulatório alimentado pelo fígado pode estar prejudicado;
  • Olhos amarelados e urina escura são sinais de icterícia, indicando problemas no fígado;
  • Pessoas com câncer no fígado poderão ter náuseas e vômitos;
  • O fígado pode aumentar de tamanho, provocando um incomodo do lado direito superior do abdome, junto as costelas. O baço também poderá aumentar de tamanho;
  • Nos casos mais avançados o abdome pode ficar inchado, acumulando fluido no abdome, situação chamada de ascite ou, popularmente, a famosa barriga de água;
  • Veias podem aparecer na barriga, que são visíveis abaixo da pele;
  • Pessoas com câncer de fígado podem sentir comichão (prurido) levando a pessoa a se coçar.

OUTROS SINTOMAS, MENOS COMUNS:

  • Pessoas com câncer de fígado podem ter aumento de cálcio no sangue, uma condição chamada Hipercalcemia, aumentando a sede e a micção, dor de barriga, náuseas, dor óssea, fraqueza muscular, confusão mental e fadiga;
  • Pode acontecer Hipoglicemia com prováveis sintomas que incluem confusão mental, palpitações, tremores e ansiedade;
  • Os glóbulos vermelhos do sangue podem estar aumentados;
  • O Colesterol pode estar em níveis elevados;
  • Nos homens a mama pode aumentar (Ginecomastia) e os testículos diminuir de tamanho.00

ATENÇÃO:

Todos os sintomas listados também estão relacionados a outras doenças, não são necessariamente sinais e sintomas exclusivos do câncer de fígado.

Existindo suspeita de qualquer um dos sintomas listados neste artigo, um médico deverá ser consultado para o diagnóstico preciso de um provável câncer de fígado e o início imediato do tratamento, caso necessário.

Carlos Varaldo
www.hepato.com
hepato@hepato.com

IMPORTANTE: Os artigos se encontram em ordem cronológica. O avanço do conhecimento nas pesquisas pode tornar obsoleta qualquer colocação em poucos meses. Encontrando colocações diversas que possam ser consideradas controversas sempre considerar a informação mais atual, com data de publicação mais recente.

Carlos Varaldo e o Grupo Otimismo declaram não possuir conflitos de interesse com eventuais patrocinadores das diversas atividades.

Aviso legal: As informações deste texto são meramente informativas e não podem ser consideradas nem utilizadas como indicação médica.
É permitida a utilização das informações contidas nesta mensagem desde que citada a fonte:
WWW.HEPATO.COM

O Grupo Otimismo é afiliado da AIGA – ALIANÇA INDEPENDENTE DOS GRUPOS DE APOIO

Compartilhar